ÍKARO CHESANI POMPEO DE MATTOS

I

 

Na imensidão do infinito

Dou asas a liberdade

Num misto de sonho e realidade

Do grego desfaço o mito

E busco o que há de bonito

Nas luzes do firmamento

E voando como o vento

Vem da história a inspiração

Dando sentido e razão

Ao nome deste rebento

 

 

II

 

ÍKARO CHESANI POMPEO DE MATTOS

A gente tá te esperando

Faz a travessia voando

Se não der venha nadando

E pode chegar berrando

Num grito assim, bem campeiro

De gaúcho, de missioneiro

Que este chão te dá abrigo

Enterra aqui teu umbigo

P’ra tradição ter herdeiro

 

III

 

O mundo que aqui te espera

É feito de muitas cores

De encontros, de desencontros de amores

De flores com muito espinho

Mas tu poderás escolher o caminho

E o rumo p’ra onde seguir

Sem ter medo de cair

Tu aprende a levantar

E o jeito de caminhar

O segredo, é persistir

 

IV

 

O desafio é bem grande

Como grande é teu destino

É por isso que teu nome menino

Tem história e inspiração

Tem aventura e o coração

De que é predestinado

P’ra respeitar, ser respeitado

Sem nunca baixar a crista

Ter sempre ponto de vista

Que é marca do antepassado

 

V

 

Mas não te assusta guri

Pois nunca estarás sozinho

Vem chegando de mansinho

Já tá preparado teu ninho

Tua mãe vai te dar carinho

Eu vou estar sempre ao teu lado

Contigo temos sonhado

E nada vai te faltar

Peço a Deus p’ra te abençoar

Longa vida colorado

 

 

VI

 

Quando o sonho é um sonho só

É só um sonho sonhado

Mas tu és um sonho acordado

Num sonho sonhado a dois

Na certeza que depois

O sonho vire esperança

Pois só quem sonha alcança

Os seus sonhados desejos

E nos meus sonhos já te vejo

Este sonho de criança

 

 

VII

 

É assim que te esperamos

Eu a Julia e a mamãe Fran

Como o orvalho da manhã

Que se forma sem chover

Assim você vai nascer

Anunciando um novo dia

Trazendo a luz que irradia

Semente nova do amor

Botão maduro da flor

Mensageiro da alegria

 

VIII

 

Então tu sejas bem vindo

Eis aqui o teu lugar

Sei, tu veio pra encantar

E eu já estou encantado

Tu és meu presente e passado

É também o meu futuro

Pedigree de galo puro

Voa alto Íkaro, podes voar

Depois é só aterrizar

Que aqui é teu porto seguro

 

Autor: Pompeo de Mattos

Comente ou link essa página

Nome:

Email:

Site:  

Comentar:

Divulgue!


Coloque esse link no seu facebook, site, twitter...

Assine no RSS
Assine e receba o RSS Feed de notícias!

Acompanhe meu trabalho no Twitter.
Será um prazer ter você na minha rede de amigos.